Dia Mundial do Lazer é comemorado nesta sexta; veja atividades que beneficiam a saúde mental

“Nada melhor do que não fazer nada”, canta Rita Lee na música “Mania de Você”. Afinal, ter um tempo livre para aproveitar como quiser, seja descansando ou praticando alguma atividade prazerosa, é essencial para a saúde mental.

Esses momentos de folga são fortes aliados na manutenção e no equilíbrio de neurotransmissores como endorfina, dopamina, serotonina e ocitocina, que influenciam nas sensações de bem-estar, alegria e plenitude, explica a psiquiatra Jéssica Martani.

“O desequilíbrio dessas substâncias pode afetar a saúde da mente, proporcionando desânimo, dificuldade de iniciar e completar tarefas, mau humor, ganho de peso, baixa imunidade e, com o tempo, pode deflagrar doenças como depressão, ansiedade, transtornos do sono, entre outras patologias”, diz a médica.

Com as restrições provocadas pela pandemia da Covid-19, deixando academias, parques, cinemas, teatros e outros estabelecimentos fechados, o tempo dedicado aos exercícios físicos e a diversões tem sido menor. Em vez de relaxar, a população tem cada vez mais acumulado o trabalho –muitas vezes em home office– com tarefas do dia a dia e cuidados com os filhos.

Para estimular as atividades de recreação, foi criado o Dia Mundial do Lazer, que nesta primeira edição será comemorado nesta sexta-feira (16), com o tema Lazer para uma Vida Melhor.

A data é uma iniciativa da Organização Mundial de Lazer (World Leisure Organization), com coordenação do WLCE/USP (Centro de Excelência em Estudos do Lazer), em parceria com o Lagel (Laboratório de Gestão das Experiências de Lazer) e o Sesc.

Atualmente, a Organização Mundial do Lazer conta com sete Centros de Excelência em Estudos do Lazer localizados pelo mundo e, a cada ano, um destes centros ficará responsável por organizar a celebração. O objetivo é destacar a importância do lazer para a sociedade.

Nesta sexta, serão realizadas diversas atividades ao redor do mundo, com ações virtuais e presenciais em 20 países (sempre respeitando as orientações de segurança sanitárias locais de combate à Covid-19), com o apoio de diversas instituições parceiras.

No Brasil, a USP, o Lagel e o Sesc estarão à frente das ações do Dia Mundial do Lazer, que serão exclusivamente online.

Saiba mais sobre o Dia Mundial do Lazer no site da Organização Mundial de Lazer (worldleisureday.org) e no Instagram World Leisure Day (@worldleisureday).

Veja abaixo uma seleção de dez eventos virtuais que acontecerão ao longo desta sexta.

Yoga Kimect – com Emaye Ama Mizani (Sesc Pompeia)
A kemetic yoga é um antigo sistema egípcio baseado nas práticas de movimentos físicos combinados com respiração profunda controlada e meditação. A versão moderna desse antigo sistema foi desenvolvida a partir da pesquisa primária realizada por Asar Hapi. Não é apenas uma prática corporal, arte ou cultura, e sim um resgate ancestral e milenar de uma prática espiritual e preta, além de fortalecer identidade histórica. Com Emaye Ama Mizani, mulher rastafari, estudiosa e experimentadora de práticas de saúde holística africana, instrutora de kemetic yoga treinada pela YogaSkills School of Kemetic Yoga, de Chicago.
Horário 9h
Plataforma Instagram do Sesc Pompeia (@sescpompeia)

Malabares (Sesc Itaquera)
A prática de malabares melhora a coordenação motora e a agilidade com movimentos de lançar e receber. Nesta ação desenvolvida com os educadores do Sesc, os participantes vão aprender de forma lúdica e educativa os movimentos de malabares com materiais alternativos como sacolas plásticas e bolinhas de papel.
Horário 8h
Plataforma YouTube, Facebook e Instragam Sesc Itaquera (@sescitaquera)

Yoga em família (Sesc Santo André)
A atividade, comandada pela dupla João Soares e Rosa Muniz, do Yoga com História, traz oyioga em família na perspectiva de narrativas lúdicas associadas aos asanas (palavra em sânscrito significa postura confortável) com a intenção de aproximar as crianças do universo do yoga.
Horário 10h
Plataforma YouTube e Facebook Sesc Santo André

Lazer e identidades: encontros no envelhecer (Sesc Ipiranga)
O Sesc Ipiranga traz a oportunidade de reflexão sobre o lazer como direito no envelhecer, em busca de compreender melhor desigualdades e sobreposições de opressão e discriminações existentes em nossa sociedade.
Participantes Francisco Welligton de Sousa Barbosa Junior, mestre em psicologia pela Universidade do Minho/Portugal, Letícia Lanz, escritora e psicanalista, Mona Rikumbi, primeira cadeirante negra a atuar no Theatro Municipal de São Paulo, Vagner Martins, gestor de esportes no Sesc Ipiranga, especialista em acessibilidade e inclusão de pessoas com deficiência em programas de educação, atividade física, esporte e lazer.
Horário 11h
Plataforma YouTube, Facebook e Instagram do Sesc Ipiranga (@sescipiranga)

Percussão corporal (Sesc Amaro)
Vídeo com breve introdução à percussão corporal, apresentando os principais sons corporais e os primeiros passos para qualquer pessoa aprender a executar ritmos básicos com seu próprio corpo em sua própria casa. Serão abordados também os princípios básicos do ritmo e da percussão, como tempo, pulsação e subdivisão. Com o músico e percussionista Gabriel Draetta.
Horário 16h
Plataforma YouTube, Facebook e Instagram do Sesc Santo Amaro (@sescsantoamaro)

Cards digitais com dicas para lazer, ócio e tempo livre (Sesc Belenzinho)
O Sesc Belenzinho apresentará uma série de cards em seu Instagram, com conceitos sobre lazer, ócio, tempo livre e as áreas de interesse que compõem o tema. Os cards abordarão temas como o que é lazer, ócio criativo, lazer com interesse artístico, lazer com interesse intelectual e lazer com interesse físico-esportivo. No card lazer com interesse artístico, por exemplo, o visitante poderá acessar o show de Lenine no #EmCasaComSesc, no YouTube.
Horário 8h
Plataforma Instagram Sesc Belenzinho (@sescbelenzinho)

Lazer como estratégia para uma melhor qualidade de vida – com Márcio Atalla (Sesc Guarulhos)
Bate-papo ao vivo com o educador físico Márcio Atalla, que abordará a importância e os desafios da mudança de comportamento e a adoção de hábitos saudáveis na busca e promoção da saúde e da qualidade de vida por meio do lazer. Atalla abordará o tema dando dicas e responderá às perguntas do público pelo chat.
Horário 19h
Plataforma YouTube Sesc Guarulhos

Espaço para ser (Sesc Carmo)
Vídeo que reflete sobre o lazer enquanto ócio, trazendo técnicas da atenção plena para a criação do espaço para ser. Com Adriana Fabozzi, especialista em cuidado integrativo, formada em psicologia e educação física.
Horário 11h
Plataforma Facebook e Instagram do Sesc Carmo (@sesccarmo)

Mesa com Alberto Acosta e Danilo Santos de Miranda (Sesc SP)
Três anos após a realização do Congresso Mundial do Lazer, que apresentou discussões sobre as principais barreiras de acesso ao lazer para as pessoas, bem como reflexões sobre como superá-las, entendemos que tais barreiras tornaram-se ainda maiores considerando o atual cenário de crise sanitária-econômica-social. Por outro lado, pesquisas e reflexões têm apontado a importância do lazer neste período de isolamento social, como garantia de bem-estar e até mesmo de manutenção da saúde durante o confinamento. Assim, este encontro buscará refletir sobre o lazer como um direito social e sua importância no cotidiano, a partir dos olhares e experiências do convidado. Com Alberto Acosta, ex-Ministro de Minas e Energia do Equador, pesquisador no Latin American Institute of Social Resarch, e Danilo Santos de Miranda, diretor regional do Sesc em São Paulo.
Horário 16h
Plataforma YouTube do Sesc São Paulo

Mesa temática ‘Lazer torna a vida melhor’ (WLCE/USP)
Mesa composta por representantes de quatro diferentes regiões do país (Norte, Centro-Oeste, Sudeste e Sul), a fim de refletir e discutir elementos da área do lazer, tais como sugestões, desafios e limites de possibilidades de ações que tenham relação com a região de cada convidado para a vivência e/ou gestão de um lazer que torne a vida melhor.
Participantes Mirleide Chaar Bahia (UFPA), Christianne Luce Gomes (UFMG), Raquel Silveira (UFRGS) e Junior Vagner Pereira da Silva (UFMS). Coordenação: Edmur Stoppa e Mariana Bueno.
Horário das 14h às 16h
Plataforma Google Meet. A atividade será exibida para o público em geral no Youtube da EACH (Escola de Artes, Ciências e Humanidades)